Quais peixes a grávida pode comer?

peixes na gravidez

E quando o desejo de consumir peixe vem durante a gestação e você não sabe se pode incluí-lo em sua dieta ? Essa é uma dúvida muito comum e você encontrará todas as respostas aqui!

Então , vamos lá!

A primeira informação é que a ingestão de peixe durante a gestação ou durante a amamentação pode proporcionar diversos benefícios para a saúde.

Assim, você deve inclui-lo na sua alimentação , porém precisa ficar atenta nas melhores escolhas de peixes e nas porções que tem recomendação de consumo.

Quais são os nutrientes dos peixes e por que incluir na dieta da gestante?

Dieta na gestação
Comer peixe pode te ajudar a ter uma gestação saudável.

A maioria dos peixes são uma excelente fonte de proteína de alta qualidade . E dessa forma, você deve inclui-los na sua dieta na gestação .Pela mesma razão que quase sempre possui baixo teor de gordura e a maior parte da gordura presente é a poliinsaturada saudável.

Ainda, os ácidos graxos ômega-3 poliinsaturados , o ácido eicosapentaenóico (EPA) e o ácido docosahexaenóico (DHA) também estão presentes.

Além disso, os peixes também são fontes importantes de selênio , zinco , iodo , ferro e outros minerais necessários ao corpo.Também, são fontes naturais de muitas vitaminas B, como a vitamina B12, e os peixes oleosos fornecem as vitaminas A e D.

Para mais dicas clique e leia:

Como A Grávida Deve Se Alimentar?

Quais peixes a grávida pode comer?

dieta na gestação
Comer peixes durante a gravidez traz benefícios para o bebê

Primeiramente, essa é uma pergunta bastante comum. Assim,  a dica é escolher sempre uma variedade de peixes que tenha menos mercúrio.

Além disso, antes de citar as melhores escolhas e as opções para evitar, é importante você saber a quantidade de uma porção. Para um adulto , uma porção é igual a 113 gramas.

Assim, as melhores escolhas de peixes são : Atum claro enlatado (incluindo o gaiado)(light), bacalhau, bagre , camarão, lula, salmão, sardinha, tilápia, vieira. A recomendação é de 2 a 3 porções por semana.

Portanto, a gestante também pode consumir, em menor quantidade, cerca de 1 porção por semana, os seguintes peixes: Atum albacora, atum voador/branco, enlatado e fresco/ congelado, carpa, dourado. Esses são classificados como boas opções.

Quais peixes a grávida não pode comer?

saudavel
Alguns tipos de peixes possuem altas concentrações de mercúrio e devem ser evitados.

Entretanto, já as escolhas a evitar, são aqueles que possuem níveis mais elevados de mercúrio.

Aqui podemos citar: atum patudo, cavala verdadeira, espadim, peixe-espada, olho-de-vidro laranja.

Mas se você já comeu esses peixes durante a sua gestação, não é motivo de preocupação, ok?

Mas daqui pra frente, vamos fazer o seguinte combinado, evite essa categoria e escolha sempre peixes com níveis mais baixos de mercúrio, existe uma grande variedade de escolha que você pode adequar na sua dieta na gestação.

Você sabe o que é mercúrio ?

Falamos tanto em mercúrio e se você está se perguntando: afinal, o que é mercúrio? Aqui vamos explicar!

O mercúrio é um elemento que esta presente naturalmente no meio ambiente e pode ser liberado por meio de vários tipos de atividade humana. Assim, ele pode acumular em riachos, lagos e oceanos, onde é transformado em metilmercúrio .

Logo, é esse tipo de mercúrio que esta presente nos peixes, e se consumido em grande quantidade, pode ser prejudicial para a saúde humana.

Sabe-se que é um composto que possui facilidade para atravessar a placenta. E por esse motivo, a sua ingestão deve ser controlada durante a gestação.

Limpar ou preparar meu peixe pode reduzir a quantidade de mercúrio?

O mercúrio encontra-se no tecidos dos peixes, dessa forma, limpar, cozinhar, não reduzirá a quantidade de mercúrio presente. Assim, é necessário escolher os melhores peixes para o consumo, evitando os que possuem uma maior quantidade desse elemento.

Ademais, uma boa dica é remover bem a pele, a gordura e os órgãos internos onde outros tipos de poluentes nocivos podem se acumular , principalmente em peixes que não sabemos a procedência ou aqueles que são pescados por familiares ou por amigos.

Dieta na gestação: posso comer atum em lata?

Segundo a  Federal Drug Administration (FDA), o atum light em lata está na categoria de “melhores escolhas”.

Se você prefere o atum voador, também conhecido como atum branco, ele contém três vezes mais mercúrio do que o atum light em lata.

Assim, é recomendável comer apenas 1 porção e nenhum outro peixe durante aquela semana.

Pode comer ostra na gravidez?

ostra na dieta gestacional
As ostras são geralmente são consumidas crus ,é necessários cuidados!

As ostras estão na classificação de melhores escolhas, porém aqui devemos ter cuidado!

Segundamente, as Diretrizes Dietéticas de 2015-2020 para Americanos recomendam que mulheres grávidas consumam alimentos em temperaturas internas seguras para a proteção contra microorganismos que possam estar presentes nesses alimentos.

Dessa forma, as mulheres grávidas, devem evitar ostras cruas. Isso pelo fato de mulheres gestantes geralmente ter o sistema imunológico mais fraco e correm maior risco de ter doenças transmitidas por alimentos.

Logo, devemos ficar  sempre atentos a procedência dos alimentos e aos modos de preparo !

Estou grávida, posso comer sushi ?

sushi
Uma dúvida bastante comum é o consumo de sushi na gravidez.

Ao contrário do que muita gente acredita, o problema do consumo de peixe cru não se relaciona com a toxoplasmose, pois o peixe não faz parte do ciclo do parasita . E sim, o problema esta com a possível contaminação por bactérias.

Dessa forma, o risco é a infecção gastrointestinal que pode desencadear vômitos, diarreia e febre. Assim, como no caso do consumo de ostras, o principal cuidado que deve-se ter é com a higiene e com a procedência dos alimentos.

Uma dica é dar preferência a outros pratos da comida japonesa como pratos quentes e opções de sushis sem peixe. Por exemplo, peças contendo pepino, frutas e cenoura. Outro cuidado importante é com o consumo do shoyu, pois ele possui grande quantidade de sódio que consumido em grande quantidade pode ser prejudicial.

Posso comer peixe pescado por amigos e familiares?

dieta na gestação e pescado
É importante saber a procedência do pescado antes do consumo.

Em caso de consumo de peixes que outras pessoas pescaram, é necessário prestar atenção em certos detalhes.

Assim, é importante saber da procedência da água, pois existem águas onde pode ter pouco ou nenhum monitoramento, e , portanto, não se conhece a extensão da contaminação por mercúrio.

Se você não possuir essa informação, você deve limitar o consumo desse peixe a uma porção por semana e não comer nenhum outro peixe naquela semana.

alimentação
Manter uma alimentação equilibrada é essencial para evitar doenças e garantir o desenvolvimento saudável do bebê.

Dessa forma, para o preparo e o consumo saudável de peixe , vale soltar a criatividade! Pois , diversos são os benefícios do consumo quando feito de forma correta.

Vamos lembrar que as versões a grelha são sempre mais saudáveis que as frituras. Ademais, evita-se o peixe cru durante a dieta na gestação.

Deve-se  sempre tomar cuidado com os níveis de mercúrio presente em alguns peixes.E  ficar sempre atento a procedência dos alimentos!

 

instituto villamil projeto doze meses 3

LEIA MAIS:

 

VEJA MAIS:

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on tumblr
Share on google
Share on pinterest

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

WhatsApp chat