Perda gestacional precoce: quais as causas?

Design sem nome(2)

A perda de uma gravidez durante as primeiras 12 semanas  , ou seja, no primeiro trimestre , é chamada de perda gestacional precoce ou também conhecido como aborto espontâneo .

Vamos falar sobre esse assunto delicado mas necessário?

Nesse texto vamos abordar as principais dúvidas sobre esse tema!

O que faz perder um bebê no início da gravidez?

perda gestacional precoce
Os abortos espontâneos, geralmente ocorrem devido a problemas no desenvolvimento do feto.

Cerca de metade dos casos de perda gestacional precoce são causados ​​por um evento  no qual o  recebe um número anormal de  .

Não entendeu? Vamos te explicar o que isso quer dizer!

Os cromossomos são as estruturas dentro das  que carregam  . Assim, a maioria das células tem 23 pares , ou seja, um total de 46 cromossomos.

Já os têm, cada um, 23 cromossomos .

E durante a fertilização, quando o óvulo e o espermatozoide se unem, os dois conjuntos de cromossomos se unem. Assim, forma no final um total de 46 cromossomos. Certo?

Dessa forma, se algum dos gametas tiver um número anormal , o embrião também terá um número anormal.

E assim, o desenvolvimento não ocorrerá normalmente.E pode resultar na perda da gravidez.

Outras causas que podemos citar são problemas médicos, como exemplo , diabetes mal controlada. Outro exemplo é problemas com o formato do útero que pode ser fator de risco para a perda da gravidez.

Então, o que acontece quando o embrião não se desenvolve?

instituto villamil aborto 1
Infelizmente nem sempre será possível diagnosticar uma causa específica. Converse com seu médico!

Quando o desenvolvimento não ocorre normalmente, uma das consequências pode ser a perda da gravidez.

E na maioria das vezes tem apresentação clínica . Ou seja, as queixas mais comuns de mulheres que apresentam sintomas são a presença de cólicas e de sangramentos.

Porém, aqui precisamos ficar atentas! Pois esses sintomas nem sempre significa perder o bebê.

Desse modo, no início da gravidez são sintomas relativamente comuns. E também podem ser sinais de outros problemas de gravidez, como exemplo a gravidez ectópica.

Para a confirmação, consulte o seu médico. Assim, um exame de ultrassom pode ser feito para verificar se o embrião está crescendo no útero ou para detectar a presença de batimentos cardíacos.

Também pode-se fazer um exame de sangue. Porque se o nível de gonadotrofina coriônica humana (hCG) no sangue , estiver baixo ou decrescente pode significar a perda da gravidez. Isso pelo fato da placenta produzir quando o embrião esta se desenvolvendo.

Sangramento na gravidez: o que pode ser?

Existem certas atividades que causam a perda da gravidez?

tristeza perda gestacional
Relações sexuais e atividade física moderada não prejudica o bebê.

Algumas mulheres se preocupam e acham que algumas atividades podem causar a perda da gravidez.

Mas aqui vamos ressaltar que trabalhar, praticar exercícios, fazer sexo ou usar pílulas anticoncepcionais antes de engravidar não causam a perda de gravidez precoce.

Além disso, devemos aqui citar que algumas pesquisas sugerem que fumar aumenta o risco. Bem como o uso de álcool no primeiro trimestre pode aumentar o risco de perda gestacional precoce.

Dessa forma, a recomendação é parar de fumar e beber álcool durante a gravidez ou se você suspeita que esta grávida!

Em qual semana da gravidez é mais perigoso ter perda gestacional?

exame de gravidez
O aborto espontâneo não significa o fim do sonho de ser mãe.

A perda precoce da gravidez é a complicação mais comum no início da gravidez. Ou seja, durante as primeiras 12 semanas . Sabe-se que ocorre em cerca de 10% das gestações conhecidas.

Devemos também levar em conta que a probabilidade de ocorrer perda precoce da gravidez aumenta a medida que a mulher envelhece.

Terei que fazer tratamento?

Quando ocorre perda da gravidez, parte do tecido poderá permanecer no útero. E assim, precisa ser removido.

Se a situação não for de emergência, existem várias opções.

Se você não mostra nenhum sinal de infecção, uma opção é esperar e deixar o tecido sair naturalmente.E geralmente leva até duas semanas. Outra opção, é tomar medicamentos que ajudem a expulsar o tecido.

A cirurgia é recomendada se você tiver sinais de infecção , sangramento intenso ou outras condições médicas.

Uma opção é a aspiração a vácuo. Outra opção é a dilatação e a curetagem.

É possível ter outro bebê após um aborto?

Decerto, a maioria das mulheres acaba tendo uma gravidez bem-sucedida. Ou seja,perdas repetidas de gravidez são raras.

Além disso, o teste e a avaliação podem ser feitos para tentar encontrar uma causa se você tiver várias perdas sucessivas.

Ainda assim, mesmo que nenhuma causa seja encontrada, a maioria dos casais terá uma gravidez bem-sucedida.

Você já ouviu falar em bebê arco-íris?

arcoiris - Instituto Villamil
Depois da tempestade virá a luz!

Os bebês arco-íris são crianças que nascem de uma mamãe que já passou por um aborto espontâneo ou perdeu um filho prematuramente.

Assim, como os arco-íris , eles dão uma luz após uma tempestade!

Dessa forma, são sinônimos de esperança! E trazem a paz e a alegria!

Entenda que eles não chegam para preencher o vazio de um aborto espontâneo ou da perda prematura!

O bebê que se foi é seu anjinho da guarda e sempre vai ser seu filho!

Assim, os bebês arco-íris chegam para iluminar!

Ou seja, depois da tempestade virá a luz!

E isso mostra que a esperança precisa ser nutrida todos os dias.

 

Referência: The American College of Obstetricians and Gynecologists

 

LEIA MAIS:

VEJA MAIS:

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on tumblr
Share on google
Share on pinterest

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

WhatsApp chat