O que levar na mala da maternidade?

o que levar na mala da maternidade

A mala da maternidade é uma das últimas preparações para a chegada do bebê. Em geral, é um momento repleto de ansiedade, carinho e expectativas.  Por isso, a mala da maternidade precisa ser organizada com certa antecedência para que nenhum item seja esquecido ou para que não seja levado nada além do necessário.

A organização da mala da maternidade deve priorizar o que será essencial para a mãe e para os primeiros dias do recém nascido. Porém, ela não deve ser muito complexa e algumas maternidades costumam sugerir itens que acreditam ser primordiais.

como organizar Mala da maternidade
Os itens que serão necessários na maternidade podem ser listados já que isso facilita a organização.

O que preciso para começar a organizar a minha mala?

Primeiramente, é preciso escolher uma mala com boas divisórias e com tamanho adequado. Assim, todos os itens poderão ser organizados em um único espaço, evitando que seja preciso levar outras bagagens. Existem diversos modelos de malas de maternidade no mercado, mas é possível utilizar uma mala de viagem comum.

o que levar na mala da maternidade
Escolher o tipo de mala é importante para que não seja necessário um excesso de bagagens.

Em um segundo momento, é importante observar em qual estação do ano o bebê irá nascer. Dessa forma, é possível escolher melhor as roupas e mantas que serão utilizadas nos primeiros dias da criança. Em relação às roupas do recém nascido, dê prioridade a peças confortáveis com abertura frontal e com botões de pressão, pois facilitam as trocas.

É importante lembrar que a mala da maternidade deve priorizar a praticidade. Por isso, muitos pais optam por organizar as roupas em pequenos saquinhos de tecido ou de plástico. Dessa forma, a rotina dos primeiros dias no hospital pode ser facilitada e as trocas de roupa podem ser facilmente identificadas.

O que é essencial levar para o bebê?

As roupas e mantas do bebê precisam ser confortáveis, por isso devem ser de tecidos macios, sem velcro ou zíper. Além disso,  é  importante que esses itens sejam lavados com sabão próprio para roupas de bebê ou com sabão neutro.

É válido lembrar que a estação do ano e a temperatura do local de nascimento devem ser levados em consideração na escolha dos itens que irão para maternidade. Então, em caso de temperaturas frias escolha bodies de manga longa, macacões quentinhos e cobertores. Mas, em temperaturas quentes opte por bodies de manga curta, macacões e mantas com tecidos mais leves.

 

Mala da maternidade para o bebê
A mala do bebê deve prezar pelo conforto e estar de acordo com a temperatura do local.

Além disso, os produtos de higiene para o recém nascido podem conter o mínimo possível de produtos químicos. Portanto, evite lencinhos umedecidos, perfume, xampu, condicionador e hidratante.

Mala do bebê:

  • 6 bodies, 6 “mijões” ou calças,  6 macacões e 6 pares de meia;
  • 2 casaquinhos com botões na frente;
  • 2 mantas;
  • 1 cobertor;
  • 4 fraldas de boca;
  • 2 fraldas de pano;
  • 2 toalhas fraldas;
  • 1 pacote de fralda descartável – tamanho RN;
  • 1 escova macia para cabelo;
  • Sabonete líquido de glicerina (PH neutro);
  • Cotonetes;
  • Álcool 70%;
  • Algodão;
  • Pomada para assadura;
  • 1 conjunto de roupa para saída da maternidade.

Por fim, as mamadeiras e as chupetas são itens completamente dispensáveis na mala da maternidade. Mas por que? Porque ambos podem interferir diretamente no processo de amamentação, tanto para o bebê quanto para a mãe.

A mala da mamãe também é importante!

Os itens da mala da mamãe também devem ser confortáveis. Isso porque, o pós-parto pode ser acompanhado por alguns desconfortos, além do cansaço habitual dos primeiros dias com o bebê. Em geral, o período em que mãe e bebê permanecem no hospital variam entre 1 a 2 dias em caso de parto natural e de 2 a 3 dias em caso de parto cesárea.

Mala da mamãe:

  • 2 ou 3 camisolas ou pijamas com abertura frontal para facilitar a amamentação;
  • 1 robe ou roupão;
  • 6 calcinhas confortáveis;
  • 2 pares de meias;
  • 2 sutiãs próprios para amamentação;
  • Itens de higiene pessoal, incluindo pacote de absorvente noturno ou de calcinhas absorventes descartáveis;
  • Chinelo ou pantufa;
  • 1 toalha de banho;
  • 1 roupa para a saída da maternidade.

Detalhes importantes que você não pode esquecer:

  • Documentos identificação, com foto, da gestante e do acompanhante;
  • Carteirinha e autorização do plano de saúde, em maternidades particulares;
  • Cartão do SUS, em maternidades públicas;
  • Cartão do pré-natal ou cartão da gestante;
  • Exames realizados ao final da gestação;
  • Plano de parto, caso tenha sido feito;
  • Carregador para o celular;
  • Álcool em gel.

Quando devo começar a organizar a mala?

A gestação é um período de grandes desafios, mudanças e surpresas. Portanto, pensando nisso, a mala da maternidade precisa começar a ser organizada cerca de três a dois meses antes da data prevista para o parto. Desse modo, a antecedência na preparação garante que tudo esteja pronto para a chegada do bebê, mesmo em casos de nascimentos prematuros.

 

LEIA MAIS:

 

 

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on tumblr
Share on pinterest

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

WhatsApp chat