Como escolher um Pediatra para o bebê?

pediatra-Instituto-VillaMil

Escolher um pediatra para seu bebê não é uma tarefa fácil. Afinal, este médico acompanhará o seu filho ao longo de todo crescimento, desenvolvimento e irá auxiliar vocês em momentos de dificuldades. Então, pensando na importância na escolha do pediatra, aqui estão nossas dicas para as famílias que estão nessa busca.

Quando você deve procurar um pediatra?

É ideal que a procura pelo pediatra comece enquanto ainda na gestação, de preferência entre 28 e 34 semanas.  Assim, é possível conhecer o profissional e receber informações sobre os primeiros dias do bebê.

pediatra-Instituto-VillaMil
O médico da criança deve ser escolhido o quanto antes, de preferência para que a criança seja acompanhada desde o seu nascimento.

Além disso, poucos dias após o nascimento, o recém nascido deve ser avaliado por um médico pediatra e ter um profissional de confiança ajuda muito nesse momento de intensa mudança para a família.

Há também outro benefício em encontrar um pediatra mais cedo. Alguns estudos apontam que bebês que são acompanhados pelo mesmo médico nos primeiros 6 meses têm até duas vezes mais chances de receber diagnósticos importantes antes de completar 2 anos.

O que levar na mala da maternidade?

Como pesquisar um pediatra?

Procurar um pediatra pode parecer assustador, principalmente se você é mãe de primeira viagem. Mas lembre-se de que você não está tentando encontrar “o melhor médico do mundo” e sim procurando o médico mais eficaz para você, seu parceiro e seu filho.

Agora, vamos te dar algumas dicas:

  1. Busque referências

As pessoas tem critérios diferentes para escolher um pediatra, por isso é válido pedir pelo menos três nomes de pediatras para amigos e colegas de trabalho, por exemplo.

  1. Visite o consultório

A localização do consultório do pediatra é importante. Isso porque, você e seu filho farão visitas frequentes, principalmente no primeiro ano de vida. Então, analise a distância do consultório até a sua casa, as possibilidades de transporte, se há opção para estacionar o carro e até se o espaço é agradável e confortável para aguardar.

pediatra-Instituto-VillaMil
A consulta pré-natal com o pediatra pode auxiliar nos primeiros cuidados com o bebê.
  1. Agende uma consulta

Depois que reduzir sua lista de opções de pediatras, agende consultas com alguns dos médicos. O contato olho a olho é importante. Aproveite essa consulta para conhecer melhor sobre a forma de trabalho do médico e para fazer algumas perguntas.

  1. Faça uma lista de perguntas

Escrever uma lista de perguntas que podem ajudar em sua decisão. Por exemplo: Qual a disponibilidade do médico? Você disponibiliza algum contato direto para emergências?

Como decorar o quarto do bebê com segurança?

Tomando a decisão: o que você deve considerar?

Alguns pais escolhem o pediatra pela empatia, já outros confiam unicamente em indicações de conhecidos.  Mas, independente dos critérios escolhidos por você para a escolha do pediatra, os fatores a seguir também devem ocupar um lugar de destaque em sua lista de prioridades.

  • O médico compartilha de seus pontos de vista? 

É essencial que o pediatra saiba o posicionamento da família sobre determinadas questões, como: amamentação e circuncisão, por exemplo. Por isso, é interessante saber se o médico concorda e respeita as decisões da família.

pediatra-Instituto-VillaMil
O consultório do pediatra deve oferecer segurança e conforto.
  • O médico atende aos seus outros critérios? 

Alguns fatores podem parecer superficiais, mas ainda podem afetar seu relacionamento com o pediatra. Por exemplo, você percebeu uma conexão com o pediatra? Ele transmitiu confiança e cuidado?

  • O consultório funciona bem? 

A partir da consulta pré-natal inicial você pode avaliar como funciona o consultório. Na sala de espera, converse com outros pais e pergunte o que eles gostam e não gostam na prática. Verifique também a área: Existem livros e brinquedos para distrair as crianças? As recepcionistas parecem estar atentas às comunicações internas e externas?

O que você deve considerar também?

Ao procurar um pediatra, é essencial saber se ele é certificado pelo Conselho Regional de Medicina. Isso significa que o pediatra concluiu o curso de medicina, bem como uma residência de três anos em pediatria.

Além disso, é válido procurar saber se o médico pertence a alguma Sociedade Médica. No Brasil, temos a Sociedade Brasileira de Pediatria e as Sociedades de Pediatria regionais, de acordo com os Estados. Esse ponto pode indicar que o pediatra segue as diretrizes e padrões da organização.

LEIA MAIS:

Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
Share on tumblr
Share on google
Share on pinterest

Deixe seu comentário

Seu e-mail não será publicado.

WhatsApp chat